25 de fev de 2009

Jarbas Vasconcelos e sua entrevista a Veja

Na edição 2100 (18/02/2009) de Veja, encontramos a entrevisa reveladora do Senador Jarbas Vasconcelos (PMDB). Para resumir Jarbas desce a lenha no PMDB, partido que ajudou a fundar (ou à afundar) e que são os atuais detentores das cadeiras da presidencia da camara e do senado.

Sem citar nomes o senador chama o PMDB de corrupto e sem bandeira, pois tem o vício de ficar sempre do lado do partido que esta no governo (referindo-se ao PSDB de FHC e PT do Lula).

A segunda parte da entrevista é destinada a crtíca ao governo Lula, misturando nas entrelinhas o governo a corrupção do PMDB. A principal crítica de Jarbas é sobre o Bolsa Familia, em suas palavras: "o maior programa oficial de compra de votos do mundo", a crítica a classe política é bem lucida, apesar de faltar uma observação sobre a própria atuação do senador que esta nela há mais de 40 anos. Também faltou citar o programa social de FHC (PSDB) que assim como o Bolsa Família atendia a familias carentes.

No final da entrevista, uma declaração que na minha opinião, mancha toda a analise que o ilustre senador fez sobre o PMDB, Lula, corrupção e políticos: "Acredito muito em Serra e me empenharei em sua candidatura à Presidência. Se ele ganhar, vou me dedicar a reformas essenciais", continua "Mas não tenho mais projeto político pessoal".

Tenho que fazer uma observação, ora precisa o Serra ganhar para o Senador trabalhar? E outra, o que um político faz no senado se não tem um projeto político?

Sobre Serra: se o Lula tem o "Bolsa Família" o Serra tem Veja!



João M. A. da Silva
Data: 25/02/2009
Hora: 22h53
Momento: Entrelinhas em política é tudo
criticasconstrutivas.blogspot.com

Nenhum comentário: