27 de out de 2008

Após Eloá, voltemos para a crise financeira e as eleições nos EUA

Depois de quase duas semanas de "cobertura" da mídia, no seqüestro em Sandro André (SP), envolvendo a menina Eloá (se você não conhece o caso leia aqui e aqui). A mídia, especialmente as emissoras de TV aberta, voltam a falar sobre a crise financeira e as eleições nos EUA. Não que elas não quisessem continuar com a história, é que não traz a audiência de antes. A TV Record chegou a ocupar o primeiro lugar na audiência nos programas que falavam do assunto, as outras emissoras não ficavam atrás.

No dia 24/10/2008 (quinta) a Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara dos Deputados pediu ao Ministério Público que apure denúncias, sobre os abusos das emissoras na cobertura jornalistíca, a informação é do site Ética na TV (www.eticanatv.org.br), que esta atrás da campanha "Quem financia a Baixaria é contra a Cidadania".

Rodrigo Pimental sociólogo e ex-comandante do Bope (Batalhão de Operações Policiais Especiais - RJ), declarou em entrevista dada a Terra Magazine, que a mídia foi "criminosa e irresponsável" (leia aqui) e citou a TV Globo, Record e Rede TV!, pelas entrevistas (!?) feitas com o sequestrador durante o sequestro.


Opinião


Infelizmente já sabemos que a TV Aberta esta infectada pela doença do "dinheiro louco", se o programa traz dinheiro continua, se não congela. Independente da qualidade, ética, cultura, educação e outras coisas consideradas "bobagens" por eles.

Se você assisti a estas emissoras no ápice do sensacionalismo, você esta financiando estes programas com sua audiência (= dinheiro). Seja esperto, desligue e se informe por outros meios, depois leia um livro.

Agora, entendo que seja díficil largar o osso, digo a TV, segundo depoimento de Nayara (amiga de Eloá), as duas estavam assistindo TV, antes da invasão da Polícia. Veja que ponto chegou!

A TV exerce um poder tão grande, que nem os policiais desligaram o acesso da TV dentro do apartamento.

Ouviram* de um policial no local do seqüestro: Na TV ninguém toca! deixa ele [o sequestrador] assistir a gente, porra!

Outros* juram que viram cartazes: "Globo, filma eu!" - "Daneta, ajuda aí vai!"



PS: As bolsas continuam caindo e Barack Obama deve ganhar as eleições nos EUA.




* fatos fictícios (aparentemente).





João M. A. da Silva
Data: 27/10/2008
Hora: 15h48
Atualizado: 16h35
Momento: Espectro de segunda-feira
criticasconstrutivas.blogspot.com

2 comentários:

Samira disse...

duklOi João.

Não sei se ficaste sabendo daquele seqüestro que ocorreu no bairro Pau da Lima, em Salvador, Bahia. Um namorado deixou presa em cárcere privado a namorada, grávida de oito meses. O fato começou na quinta e terminou no sábado, sem muito alarde pela imprensa. O interessante é que uma vizinha ouviu, em determinado momento do acontecido, o seqüestrador dizer para a polícia: "'É por isso que o rapaz lá de São Paulo matou a menina. Por causa de vocês'" (vide Correio da Bahia).

Enfim, a 'novela' - com todo respeito à morte de Eloá - terminou, não da forma como a imprensa esperava, para que continuasse a rondar por cima da 'notícia'. Porém, hoje vi tanto Globo - Ana Maria - quanto Record - Hoje em dia -colocando no ar falas da mãe de Eloá, da Nayara e do irmão de Eloá. Ainda estão,mesmo sob o trágico fim, especulando sobre o caso. Ontem deram para tratar dos 'presos' vips de Tremembé (creio que foi o Fantástico). Mas, enquanto isso, lentamente a crise financeira volta a reinar imperiosa nos telejornais.

A imprensa aproveitou, ainda, o segundo turno das eleições para ter certo assunto quente. Vamos ver quem será a próxima vítima na imprensa. Dela tudo se espera.

Só esperamos realmente que a população seja mais crítica e que consuma as informações, mas sem creditar tanta credibilidade assim em determinada emissora x ou Y como se esta dissesse a verdade, nada mais que a verdade.

Abraços e fique com Deus!
Samira

Samira disse...

Ps.: esse "dukl" antes do oi foi erro de digitação. Sorry :)