21 de ago de 2007

Estadão vs Blogs


Nova campanha do "Estadão" faz críticas as novas mídias de informação como os Blogs e sites independentes de informação.


Veja abaixo a propaganda, com o título: "Blog do Bruno"




As respostas dos Blogueiros (veja links):




http://www.eupodiatamatando.com/2007/08/11/agora-e-guerra-midia-convencional-versus-midias-alternativas/
http://www.codigolaranja.com.br/?p=785
http://solano-blog.blogspot.com/2007/08/estado-vs-blogueiros-macacos.html
http://www.eupodiatamatando.com/2007/08/16/quanto-mais-mexe-mais-fede/
(Acessados em: 21/08/2007)


A resposta de João Livi da Agência Talent, responsável pela propaganda:

http://www.bluebus.com.br/show.php?p=1&id=78730 (Acessado em: 21/08/2007)


Matéria do Estadão falando dele mesmo!?

Campanha da Talent para o novo estadao.com.br provoca debate na web (Acessado em: 21/08/2007)





Quando se ataca "algo", é porque o "algo" incomoda, por que? Será que o Estadão tem razão?




Opinião

Algumas observações

1) A credibilidade dos Blogs: Existem vários tipos de blogs, e cada um para um público. Fica meio difícil analisar como um todo, se separarmos os blogs com características de notícias e opinião, que seria os possíveis concorrentes da agência Estadão, nesses blogs, um título de jornalista ou algo parecido ao autor do Blog nos traz credibilidade, pois na graduação um aluno aprende todos os conceitos básicos e éticos de divulgar notícia e dar opinião, acredito também que se aprende a imparcialidade e todos os fundamentos como citações, fontes e outros. E nos outros blogs? Acredito que exista um pouco de credibilidade, dependendo da seriedade do autor, mas muitos tem como objetivo o humor e acabam falhando, como a falta de citação de fontes (crédito) da informação e imparcialidade. Cabe então ao próprio leitor sentir se o blog é tendencioso ou não.

2) Generalização: O grande problema de todo conflito é a generalização, como dito acima, existem Blogs sérios com pessoas sérias e blogs que tem outro enfoque, os grandes conflitos mundiais seja religioso, político ou cultural, esta na generalização, falta de respeito e intolerância. O ideal em uma propaganda é apresentar os seus diferenciais e não atacar um concorrente.

Neste caso, quase que o Estadão acerta, quando apresenta seu diferencial que é a credibilidade (em termos de profissionais especializados, nem vou entrar no mérito de imparcialidade, principalmente política aqui, mas...), mas errou (na minha opinião 'feio') ao atacar seu suposto concorrente, que em alguns casos são seus próprios leitores, que acordam cedo leiem o Estadão, ficam entusiasmados com alguma notícia e corre para o computador para atualizar seus Blogs pessoais. A imagem de um macaco não ficou bem colocado, mesmo tendo a intenção de risos.

Acredito que as velhas mídias terão que se atualizar e de forma bem rápida.

Oh! Estadão! pede desculpa no portal (on-line) e no jornal impresso, ficará melhor assim.

Agora vou terminar de ler o caderno de Esportes da Folha de São Paulo


João M. A. da Silva
criticasconstrutivas.blogspot.com
Data: 21/08/2007

3 comentários:

Samira disse...

Bom dia, João.
Somente agora pude ler sua matéria e fiquei um tanto quanto... sem surpresa. Na verdade, acho que O Estadão foi o único dos jornais que teve "coragem" de expor um de seus medos: a força dos blogs. É como você disse: há blogs e blogs, nos quais podemos confiar nas informações, e outros que são mais ácidos e que, com tal acidez, fazem com que a notícia seja mais hilariante, mostre outras facetas, etc. Mas na verdade, discutimos muito isso em sala de aula. A Internet se transformou em uma mídia alternativa para aqueles que estão cansados dos jornais e TV, ou mesmo que gostam de se manter informados por vários veículos. E, com essa popularidade, os jornais tradicionais vêem, na mídia virtual, uma fatia que muitas vezes não preenchem, pois nem todos lêem seus sites de informação - repletos de informação, por sinal. Muitos preferem os blogs, nos quais há interatividade e uma fala mais informal sobre o tema. Os blogs são, portanto, uma ameaça a eles.

Mas a forma com a qual O Estadão encarou a coisa, foi um tanto quanto depreciativa. Mesmo que haja blogs que tratem a informação indevidamente, ele (O Estadão) não poderia ter generalizado assim. E mesmo os que tratam as notícias com désdem têm o total direito, já que vivemos, na teoria, em uma democracia e temos liberdade de expressão. Não é só a imprensa que assim o possui. Estamos garantidos na Constituição.

Foi um tanto quanto precipitado, na minha opinião, a posição do O Estadão, além de ser preconceituosa. Foi um humor, digamos, negro. É claro que, assim como você disse, eles queriam dinamizar' a notícia, mas ficaram 'mal na fita'.

Leio blogs de pessoas excelentes, jornalistas formados, gabaritados, e não os considero 'macacos'. Macaco, para mim, é um animal muito inteligente, e que também merece respeito e não seja símbolo de falta de inteligência. Pelo contrário: é mais inteligente que muito ser humano.

Se você deixar, gostaria também de expor a notícia em meu blog - peço permissão de divulgar apenas o vídeo do Youtube e as logos dos blogs que você citou. Darei os devidos créditos a você. O comentário, pode deixar que faço..rs.

Obrigada por compartilhar comigo dessa informação - por morar no interior, não tenho acesso a alguns jornais, sabe? Só à Folha, O Globo, e outros nacionais, mas ao Estadão, não tenho não.

Abraços e fique com Deus.

Samira

Samira disse...

Apenas para completar meu comentário: fiz uma pesquisa na constituição, e eis o artigo que não citei:

"TÍTULO II
Dos Direitos e Garantias Fundamentais
CAPÍTULO I
DOS DIREITOS E DEVERES INDIVIDUAIS E COLETIVOS

Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade, nos termos seguintes:

I - homens e mulheres são iguais em direitos e obrigações, nos termos desta Constituição;

(...)

IV - é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato;
(...)"

Acho que basta.

Abs.

osperegrinos disse...

Opa... Essa leitura dos esportes tá muito demorada, não!?!

Volta, guri!!!

Paz & Bem!!!

Zé Luiz.