23/10/2014

"Dilma e Aécio" ou "A suja e o mal lavado"

Dia 26 de outubro de 2014 iremos, democraticamente, escolher o nosso líder executivo que comandará politicamente a presidência da república do Brasil por mais quatro anos.

De uma lado Dilma Roussef (lattes aqui) do PT e de outro Aécio Neves (lattes não encontrado) do PSDB. Dois partidos que tem se enfrentado nas últimas disputas presidênciais.

Por ser veementemente contra a reeleição, uma ferida na democracia feita pelo então presidente Fernando Henrique Cardoso, não votarei em Dilma. Sobra portando Aécio Neves, com seu jeitinho todo corrupto de ser, ou o voto Nulo.

O voto Nulo, ao contrário do que alguns pensam, você não estará contribuindo para que o candidato mais bem posicionado ganhe, normalmente quem fala isso é alguém querendo que você vote no candidato dele.

Se temos dois péssimos candidatos, aquela lógica de votar no melhor entre os dois, não se aplica, pois é impossível tirar algo de bom em algo muito ruim.

Portanto, seu voto nulo, é legitimo e representa seu posicionamento político no atual cenário.

A esperança fica em uma reforma política séria, prometida há anos por vários governantes e o amadurecimento de cada eleitor com a própria democracia.



João M. A. da Silva
Hora: 21h10
Data: 23/10/2014
Momento: Muita lama...
criticasconstrutivas.blogspot.com

03/09/2014

Sobre o racismo (de novo ele)

Ao ler sobre o recente (e sempre recente) ato racista (crime), no jogo Grêmio x Santos válido pelo campeonato brasileiro, envolvendo o goleiro Aranha e a torcida gremista (mais aqui), encontrei a campanha: I, Too, Am Harvard (aqui) que nos faz parecer estar andando em loops infinitos, quando se trata de respeito mútuo entre as pessoas. Triste fim para a nossa suposta inteligência humana.

 
Nada em todo o mundo é mais perigoso do que a ignorância sincera e a estupidez consciente

Quando ouvi ela dizer que entrou em Havard achei que ela tinha se enganado com o nome da faculdade.




João M. A. da Silva
Data: 03/09/2014
Hora: 20h50
Momento: A velha e triste de sempre história
criticasconstrutivas.blogspot.com.br

05/08/2014

Qual o seu status? por Hay


Estamos deixando o mundo virtual engolir nossas crenças, costumes e por que não a nossa personalidade e bom senso?

Os amigos mal se veem, não saem para aquele bate papo de fim de tarde, para ver o pôr do sol, trocar sorrisos, brincadeiras, momentos, lembranças...  mas trocam mensagens pelo facebook, whatsapp, postam fotos aqui e ali... um selfie feliz e perfeito! Ah e o melhor, o face te pergunta: “Como você está se sentindo...?”

E temos que levar em consideração também o nosso “status de relacionamento”... Porque hoje em dia essa é uma informação importante! As pessoas não se contentam mais em só curtir e/ou comentar, viramos novelas virtuais... perdemos amigos e ganhamos seguidores. 

Será que é isso mesmo?

Pois bem, me nego a viver nesse mundo e não, não tenho um status no facebook, fotos no instagram... vivo num mundo real, de abraços apertados, sorrisos sinceros e momentos vividos... Fotos registram momentos, mas eles podem ser eternizados na memória... porque é nela que podemos buscar em qualquer momento, em qualquer lugar... é onde a saudade, a vontade, o desejo, o carinho, o respeito e o amor vive... em nós mesmos... e não em máquinas e aplicativos.


Hay


Este texto é uma colaboração da Hay para o blog, nossos agradecimentos.

29/07/2014

As três palavras difíceis de dizer dos Avett Brothers

Em mais uma pesquisa musical, abaixo uma apresentação da excelente banda comandada pelos irmãos Avett (aqui).

I and Love and You (The Avett Brothers)




Load the car and write the note
Grab your bag and grab your coat
Tell the ones that need to know
We are headed north

One foot in and one foot back
But it don't pay, to live like that
So i cut the ties and i jumped the tracks
For never to return

Ah Brooklyn Brooklyn take me in
Are you aware the shape I'm in
My hands they shake my head it spins
Ah Brooklyn Brooklyn take me in

When at first I learned to speak
I used all my words to fight
With him and her and you and me
Oh but its just a waste of time
Yeah its such a waste of time

That woman shes got eyes that shine
Like a pair of stolen polished dimes
She asked to dance I said it's fine
I'll see you in the morning time

Ah Brooklyn Brooklyn take me in
Are you aware the shape im in
My hands they shake my head it spins
Ah Brooklyn Brooklyn take me in

Three words that became hard to say
I and love and you
What you were then, I am today
Look at the things I do

Ah Brooklyn Brooklyn take me in
Are you aware the shape I'm in
My hands they shake my head it spins
Ah Brooklyn Brooklyn take me in

Dumbed down and numbed by time and age
Your dreams to catch the world, the cage
The highway sets the travelers stage
All exits look the same

Three words that became hard to say
I and love and you
I and love and you
I and love and you

-&-

Carregue o carro e escreva o bilhete
Pegue sua mala e pegue o seu casaco
Conte aos que precisam saber
Que estamos rumo ao norte

Todos com um pé dentro e um pé para trás
Mas não tem problema viver assim
Então eu cortei os laços e pulei os caminhos
Para nunca mais voltar

Oh Brooklyn Brooklyn, inclua-me
Você está ciente da situação em que estou
Minhas mãos, elas tremem, minha cabeça, ela gira
Oh Brooklyn Brooklyn, inclua-me

Quando eu aprendi a falar
Eu usei todas as minhas palavras para brigar
Com ele e ela e eu e você
Oh, é apenas um desperdício de tempo
É um grande desperdício de tempo

Aquela mulher tem olhos que brilham
Como um par de polidas moedas roubadas
Ela pediu para dançar, eu disse que tudo bem
Vejo-te de manhã

Oh Brooklyn Brooklyn, inclua-me
Você está ciente da situação em que estou
Minhas mãos, elas tremem, minha cabeça, ela gira
Oh Brooklyn Brooklyn, inclua-me

três palavras que tornou-se difícil dizer
Eu e você eo amor
o que então eu sou hoje
olhar para as coisas que eu não

Oh Brooklyn Brooklyn, inclua-me
Você está ciente da situação em que estou
Minhas mãos, elas tremem, minha cabeça, ela gira
Oh Brooklyn Brooklyn, inclua-me

Imbecilizei e anestesiei meu tempo e era
Você sonha em pegar esse mundo, a gaiola
A estrada define o estágio do viajante
Todas as saídas têm a mesma aparência

Três palavras que tornaram-se difícil de dizer
Eu e amo e você
Eu e amo e você
Eu e amo e você


 Tradução X-letras (aqui)


João M. A. da Silva
Data: 29/07/2014
Hora: 12h50
Momento: Acordes
criticasconstrutivas.blogspot.com

24/06/2014

Revista Veja: Isto não é crime?

Revista Veja - Maio de 2011

 "Por critérios matemáticos, os estádios da Copa não ficarão prontos a tempo"
"No ritmo atual o Maracanã seria reaberto com 24 anos de atraso"
"Copa só em 2038"

Revista Veja - Junho de 2014
 
"Só alegria até agora"


O tal clima pessimista e de mau humor, o chamado "não vai ter copa" ou até mesmo o complexo de vira-lata (aqui) tem responsável e responsáveis. Acima, uma degustação das armas dos criadores do pânico aos brasileiros e aos turistas estrangeiros. Triste né, isto não é crime?


João M. A. da Silva
Data: 24/06/2014
Hora: 22h31
Momento: Copa em casa
criticasconstrutivas.blogspot.com

10/06/2014

Cptec integra projeto para emitir alerta de risco de dengue as 12 cidades-sede da Copa

Áreas de risco podem ser demarcadas com até três meses de antecedência graças à aplicação de modelos matemáticos. 

Técnico do Cptec/Inpe em computador da instituição. Foto: Arquivo/OVALE

Por Wagner Matheus, Especial para O Vale (aqui).

Um trabalho científico produzido por várias instituições nacionais e do exterior — dentre elas o Cptec (Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos) do Inpe (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais) de Cachoeira Paulista — servirá de alerta para torcedores brasileiros e estrangeiros durante a Copa do Mundo. O sistema alerta para riscos de casos de dengue em 553 microrregiões brasileiras, incluindo as 12 cidades que receberão os jogos da Copa. Natal, Fortaleza e Recife apresentam maior risco de epidemia.

Antecipação. Segundo o meteorologista e pesquisador na área de clima do Cptec/Inpe, Caio Coelho, a importância do estudo é incluir uma nova variável — o clima — nas previsões sobre áreas afetadas pela dengue, com a vantagem adicional de antecipar em três meses a demarcação das áreas de risco.
“Acrescentamos os estudos sobre chuvas e temperatura a diversas outras informações sobre a doença.”
O trabalho de gerar previsões para as 12 cidades onde serão realizados os jogos da Copa começou em fevereiro com a coleta de dados climáticos, que foram juntados aos relatórios de contagem de casos de dengue em março. A conclusão do trabalho ocorreu este mês.
A contribuição do Cptec/Inpe no projeto foi por meio das previsões climáticas sazonais de precipitação e temperatura para o período de março a maio.
As previsões fazem parte do projeto Eurobrisa, liderado pela instituição. “O trabalho classificou as cidades-sede com maior risco de uma epidemia de dengue durante a competição”, disse Coelho.

Processo. O sistema utiliza dados climáticos, já que chuvas e altas temperaturas produzem um efeito importante na transmissão da dengue em áreas propensas a epidemia, favorecendo a proliferação do mosquito transmissor e a disseminação do vírus da doença.
As previsões e alertas são produzidos a partir da combinação de dados climáticos associados a variáveis sociais e ambientais, processados em modelos matemáticos.

Publicação. Considerado inédito no país, o novo procedimento poderá ajudar outras áreas de incidência de dengue com previsões feitas com maior antecedência que os métodos atuais.
O ineditismo valeu a publicação de artigo sobre o trabalho na revista científica “The Lancet Infectious Diseases”, tendo o pesquisador Caio Coelho com um dos coautores.
O sistema de alerta foi desenvolvido por uma equipe internacional e multidisciplinar. Além do Cptec/Inpe, participaram as seguintes instituições: Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz), Ministério da Saúde, Universidade de Brasília, Instituto Catalão de Ciências Climáticas (Espanha), UK Met Office e Universidade de Exeter, (ambos da Inglaterra).
O pesquisador brasileiro explicou que a origem do trabalho ocorreu há alguns anos graças à iniciativa da doutora em meteorologia Rachel Lowe, inglesa que adotou o tema para o seu doutorado e, agora, liderou o estudo.
Uma fase das pesquisas da doutora Lowe foi realizada na sede do Cptec/Inpe.

---

Opinião

O artigo completo pode ser acessado aqui. Uma pesquisa com foco no bem da população é digna de aplausos, com resultados práticos que esta sendo utilizado para a monitoria e ação de contorno deste mal que ainda nos afeta chamada dengue, uma doença oriunda de países em desenvolvimento com infraestruturas ainda precárias.



João M. A. da Silva
Data: 10/06/2014
Hora: 20h30
Momento: Isso sim que é gol do Brasil
criticasconstrutivas.blogspot.com

12/05/2014

As águas dos ventos uivantes

Não lembro quantas eram
Mas lembro de como eram.

Salgada ela estava
Tão perto de mim ficava.

Puxava-me quando eu não queria
E fora dela sem nenhuma correria.

Um céu de brigadeiro
Com um azul tão verdadeiro.

Um barulho se aproximava
E aquele azul já nos deixava.

Um vento forte fazia
Um cinza escuro o céu trazia.

Aquela água deitada
De pé agora ficava.

Ondas fortes eu vejo
Mesmo não sendo o meu desejo.

Talvez seja apenas um grito
Com um forte atrito.

Mas era tão mágicos e tão tocantes
As águas dos ventos uivantes.



João M. A. da Silva
Data: 12/05/2014
Hora: 19h55
Momento: A pedido da gatinha
criticasconstrutivas.blogspot.com